Como Converter seu Conteúdo em Faturamento

 


Não há mais dúvidas.


O conteúdo é o que move o consumidor na internet. Se você quer gerar vendas usando a internet, você precisa de conteúdo.


Ter conteúdo no seu blog ajuda a atrair mais visitantes, gerar mais leads e ter mais vendas.

Mas a solução não é apenas ter conteúdo.
Há blogs que geram apenas visitas, com visitantes que não são potenciais clientes, não estão alinhados com o público e, como resultado, há apenas tráfego e não gera vendas.

E existem conteúdos que geram visitantes qualificados, leads segmentados e faturamento de verdade.

Então existem dois tipos de conteúdos, os que vendem e os que têm potencial de venda.

Nesse artigo eu quero te ensinar a criar conteúdos que geram vendas, que se convertam em faturamento e também como você pode usar o seu conteúdo como base em uma campanha de monetização.


Como parar de perder tempo e dinheiro com conteúdos que não vendem.


Conteúdos que vendem e conteúdos com potencial de venda, são coisas bem diferentes, seja texto ou vídeo.

Na opção 1, há estratégia, processo e o seu texto tem o claro objetivo de gerar vendas.

Na opção 2, é a maneira comum de criar conteúdos. Existe uma intenção de que algo aconteça com o leitor após consumir o conteúdo.

Por uma razão simples e óbvia, eu recomendo que você se concentre em produzir conteúdos que geram vendas. E isso não quer dizer produzir conteúdo raso ou preguiçoso.

Pense no seu objetivo final como uma jornada e divida o seu conteúdo em mini vitórias para conduzir o seu potencial cliente por este caminho. Durante este percurso, o seu público deve aprender algo e tomar uma ação.

Para transformar seus artigos em vendas e ter conteúdo como um gerador de vendas, você precisa de um processo validado.

A melhor forma de nortear sua produção de conteúdo é fazer a seguinte pergunta:

“Por que nós buscamos por informações na internet?"

Nós consumimos conteúdo em busca de solução ou informação útil para alguma dúvida ou problema. Procuramos informações que nos mostre um caminho a seguir, um o que fazer.

O que há por trás dessa pesquisa?

Ex.: Como iniciar um negócio do zero?



Alguém que pretende montar um negócio e procura informações relevantes e úteis de como fazer isso da maneira certa.

Outro exemplo: como escolher um Coach de Carreira?

Existe uma intenção clara e específica nessa busca, um desejo para concretizar.
Se um Coach de Carreira responder essa pergunta do jeito certo, ele vai poder gerar vendas através desse conteúdo.

Agora vamos ao método para converter seu conteúdo em faturamento.


A comunicação é uma habilidade imprescindível para crescer sua empresa.

 

Lição 01 - Selecione o problema central que seu conteúdo vai ajudar a resolver



Para transformar conteúdo em faturamento, o primeiro passo que você deve dar está na criação de uma linha editorial focada em responder os problemas dos seus potenciais clientes, com as suas soluções. .

Vou continuar com o exemplo do Coach de carreira.

Imagine que você lê um artigo com 10 dicas sobre como contratar um Coach.

Dica 01,faça isso e mais isso, preste atenção nisso e etc.

Esse é o tipo de conteúdo que entrega informação útil, mas que NÃO consegue resolver o problema.

O conteúdo que resolve problema, precisa seguir essa estrutura:

Promessa
Problema
Causa
Solução
Oferta

Vou seguir usando o exemplo do Coach.

Promessa: Como Escolher um Coach de Carreira

No começo do artigo você já deve responder de forma rápida e super resumida o que a pessoa verá por todo o artigo ou vídeo.
Você deve deixar claro no começo, o foco que terá no restante. Neste exemplo, sobre pontos que um Coach de Carreira precisa ter vivenciado ou tido a experiência para poder dar esta orientação a outro. E sempre respondendo a causa do problema, com a melhor solução.

Problema: Algumas pessoas não fecham a contratação por terem ficado com dúvidas sobre o investimento, o método ou por terem duvidado das competências.

Para toda estas objeções, há como argumentar antes, sem permitir que as dúvidas se instalem.

Ex.: Muitas pessoas querem crescer em suas carreiras, mas não querem ficar esperando 6 anos para conseguir se destacar.

Infelizmente, a maioria dessas pessoas tem dedicado horas e horas estudando e pesquisando de maneira completamente desorganizada e estão frustradas com os seus resultados.

Na realidade, elas não estão tendo nenhum resultado relevante.

O problema central a ser resolvido por este artigo é : “Não quero demorar muito tempo para ser promovido, o que posso fazer?”

A maioria dos artigos focam em dar “dicas”, mas não focam em apontar o alvo, apontar uma causa e mostrar a solução completa.

E lembre-se disso: isso é exatamente o que você PRECISA fazer.


Depois de fazer uma promessa ao leitor e explicar a atual situação dele, é o momento de entregar o grande valor do seu conteúdo, que é a causa desse problema.


Lição 02: Revele a Causa do Problema

 
 

Na primeira parte do seu conteúdo, apresente a promessa e o problema. Seja sucinto, não prolongue com o que não irá fazer diferença e que servirá apenas para confundir.
De maneira objetiva e clara, mostre que tipo de problema você está ali para solucionar.

Nesta parte é quando você apresenta a causa do problema, aqui você pode demorar um pouco mais e argumentar mais.

Continuando com o exemplo do Coach de Carreira.

Nesse momento você precisa mostrar para o leitor o real motivo pelo qual as pessoas precisam contratar um Coach de Carreira para se destacarem em suas profissões em menos tempo.

A apresentação da causa deve estar diretamente ligada a oferta do seu produto ou serviço.

Lembre-se sempre do conceito de jornada, a causa do problema que está apresentando precisa ser completamente solucionado pelo que você está vendendo.

O seu conteúdo deve falar de um problema que o seu produto ou serviço vão resolver.


Ex.: Sabe por que as pessoas demoram para crescer nas empresas?

Simples. Elas só pensam em se destacar, quando a oportunidade está vaga.
Vou te explicar. Toda pessoa deseja reconhecimento, mas muitas vezes o envolvimento diário com os processos de rotina e os desafios inesperados do trabalho e mais da vida pessoal, a colocam em um estado de acomodação que é imperceptível. Pois o tempo que leva para as atividades diárias + os processos, geram a percepção de que está super ocupado.
E quando você trabalha uma empresa que realmente tem possibilidade de ter carreira desenvolvida, é interesse da empresa ter os bons colaboradores com eles, então você será sempre analisado.
E por estar neste estado de acomodação, talvez venha a mostrar um pouco mais de si, somente quando já souber que a vaga está em aberto.
O trabalho é basicamente levar a pessoa do ponto A para o ponto B, com uma avaliação de valores, competências e habilidades.
Com a intenção de observar mais os desafios e oportunidades, potencializar talentos, reconhecer as fraquezas e ampliar a visão estratégica.
Com técnicas e ferramentas, é um trabalho em quatro mãos com o objetivo de encurtar o caminho deste profissional ou executivo.


E então, percebeu a diferença de um texto estruturado?

Espero que sim, pois é fundamental entender o que é produzir um conteúdo que realmente gere vendas e o que é um conteúdo que tem potencial de venda, mas fica apenas nas dicas e não mostra a solução completa.

 

Lição 03: Solução e Oferta


A solução contém boa parte do conteúdo, pois é nesta fase que você mostra ao público o que fazer com o caminho específico para seguir.

O melhor formato de conteúdo é aquele que o leitor faz uma descoberta e avança.

No exemplo do coach, qual a descoberta?

“Eu estou mergulhada na rotina e perco algumas oportunidades por não as enxergar e só me destaco após saber que há vaga.”

Só essa descoberta já faz o conteúdo ser extremamente valioso, concorda?

Mas a solução é mostrar na prática como o leitor pode seguir a sua orientação após a descoberta.

É nessa etapa que você mostra o método, os passos, pilares para o seu público seguir. É o momento de explicar o que a pessoa precisa fazer para alcançar o resultado.

É fundamental que toda estrutura tenha relação e, nesta etapa, que a solução tenha relação direta com seu produto ou serviço.

Desenvolver conteúdo seguindo esta estrutura, seja artigo ou vídeo, aumenta consideravelmente a possibilidade de converter para faturamento.
Muitas agências fecham contratos de produção de conteúdo, mas, infelizmente a maioria, não conseguem gerar resultados em vendas para os clientes.

As visitas aumentam, mas o faturamento não.

Como transformar conteúdo em faturamento e vender esse serviço

 
 

Use essa estrutura para criar seus conteúdos, se você for empresário.

E se você for consultor ou dono de agência, você pode vender esse serviço para os seus clientes.

Criar uma linha editorial com um pacote de conteúdo para gerar mais visitantes, leads e vendas.

Com esse conhecimento sobre conteúdo gerador de vendas, qualquer empresa pode transformar visitantes em potenciais compradores.

Visitantes, likes e compartilhamentos não geram lucro para a empresa.

Pare de ficar horas produzindo conteúdo que no final não colocam o cliente em jornada, que não o auxiliam a tomar uma decisão.

Você percebeu a estrutura nesse texto?

Repare neste artigo que você está lendo, em como segue rigorosamente a estrutura.

Etapa 01: Comecei o texto fazendo a promessa (transformar conteúdo em faturamento)

Etapa 02: o problema, muita gente perdendo tempo e dinheiro com conteúdos que não geram vendas

Etapa 03: a Causa, Existem conteúdos com potencial de vendas e os que geram vendas….os que dão dicas e os que são focados em um problema específico

Etapa 04: Solução, os 3 passos que acabei de explicar

Etapa 05: Virada para a Oferta

Após entregar o conteúdo, é o momento certo para fazer uma chamada de ação direta. A chamada também deve ser feita para algo que tenha relação com o que acabou de ensinar.

No caso desse artigo eu vou fazer uma chamada para o meu ebook gratuito Conteúdo Gerador de Vendas.

Neste ebook eu mostro como pesquisar para criar a sua linha editorial ou para os seus clientes.

CONCLUSÃO



01 - Conteúdo só gera vendas se for feito da maneira certa e dentro da estrutura

02 - Conteúdos feitos da maneira errada, não geram vendas recorrentes


03 - Muitos estão perdendo tempo e dinheiro por fazer conteúdo da maneira errada

04 - Você precisa criar uma linha editorial baseado em problemas atuais e específicos

05 - TODOS os seus conteúdos precisam colocar o potencial cliente em jornada

06 - TODOS os seus conteúdos precisam dar mini vitórias para o seu público

07 - TODOS os seus conteúdos precisam solucionar um problema que tenha relação direta com o que vende

08 - Você pode vender este serviço de Campanha de Construção de Conteúdo Gerador de Vendas

09 - Se você quer baixar o ebook grátis e aprender como pesquisar e criar uma Linha Editorial, baixe o ebook.

Gratidão,
Vamos em Frente!

Silvana Ávila
Silvana Ávila
Especialista em Vendas Online, Gestora de Conteúdo e Co-fundadora da Agência Posicione-se. Realizou projetos de Marketing de Conteúdo em diversas empresas e é responsável por alguns treinamentos sobre produção de conteúdo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Conteúdo Protegido !!
BeTheme WordPress Theme